sábado, 6 de junho de 2009

Vasos quebrados

Jeremias 18:4 - Como o vaso, que ele fazia de barro, quebrou-se na mão do oleiro, tornou a fazer dele outro vaso, conforme o que pareceu bem aos olhos do oleiro fazer.

Nós somos vasos um pouco rebeldes. Nem sempre estamos tão maleáveis quanto pensamos. A cena que Jeremias viu é bastante interessante, pois é muito bonito ver o vaso, já modelado, se quebrar nas mãos do oleiro.

Aquela visão marcante lhe trazia diversas mensagens:

(1) apesar de sermos uma obra de Deus em andamento, nem sempre nos submetemos integralmente à sua vontade;

(2) mesmo quando quebramos, permanecemos nas mãos do nosso Oleiro;

(3) o Oleiro insistirá em nos dar a forma que ele originalmente planejou.

Talvez você esteja se sentindo quebrado hoje meu amigo, mas, sua vida permanece nas mãos de Deus. Permita que Ele conserte em você tudo o que você permitiu que fosse destruído em sua vida!

Deus te abençoe!

Um comentário:

anna-claudia-2007 disse...

(2)" mesmo quando quebramos, permanecemos nas mãos do nosso Oleiro;"

...A "Graça", por si só, não nos permite saír das mãos do oleiro...

Paz!